Hoje em dia é muito difícil encontrar uma empresa que não tenha site. Na era do digital, não estar presente é quase sinônimo de não existir. Para médicos e profissionais da saúde esta realidade não é diferente: ter um site para sua clínica ou consultório médico é fundamental para ganhar mais espaço no mercado e fortalecer a competitividade. Além disso, é preciso levar em conta que grande parte dos pacientes costuma pesquisar na internet sobre a credibilidade dos profissionais antes de agendar a consulta.

A presença digital vai te ajudar a conseguir mais pacientes, pois num site eles encontrarão todas as informações necessárias para quebrar qualquer objeção e insegurança que possam surgir na hora da escolha.

É importante ressaltar que se o site estiver alinhado a uma boa estratégia de marketing digital as chances de seu negócio estar à frente dos concorrentes é altíssima. Já que divulgar serviços ainda é um tabu para os médicos.
Mas, como saber se já está na hora de ter um site? Abaixo listaremos alguns dos motivos que mais devem pesar na hora de tomar a decisão. Confira:

 

  • Número de pacientes diminuindo
    Se você tem percebido uma queda no número de pacientes, mesmo investindo em boa estrutura e atendimento, pode ser que seus concorrentes estejam a frente de você por não ter investido ainda em um site. Por meio dele é possível trabalhar conteúdos que atraiam seu público-alvo.
     
  • Baixo faturamento
    Queda de pacientes é igual a redução de faturamento. Com um site você conseguirá uma divulgação muito mais ampla para seus serviços, mas sempre se atentando, claro, às exigências definidas pelo Conselho Federal de Medicina (CFM).

    Com ele é possível também incentivar possíveis pacientes a irem até você através de estratégias diferentes e divulgação de questões importantes como: localização da clínica, agendamento de consultas e informações para contato. 
  • Dificuldade em se comunicar com os pacientes
    Só se mantém no mercado quem desenvolve uma boa comunicação com seu público-alvo. Por isso, o site é uma ferramenta fundamental, pois também acaba se tornando um canal de comunicação com seus potenciais clientes.

    No site é possível também, por exemplo, incluir uma página com respostas sobre as dúvidas mais frequentes. Isso otimiza o tempo de seus colaboradores e abre margem para contato apenas quando as dúvidas forem diferentes ou maiores das disponíveis no site, criando um relacionamento com seus futuros pacientes. 
  • Baixa visibilidade perante o mercado
    Quem não tem uma boa presença digital pode ficar para trás em relação aos concorrentes, como já citado anteriormente. A baixa visibilidade no mercado também pode ser um dos motivos principais para você fazer um site, pois quando um cliente potencial estiver procurando pelo serviço de saúde no seu segmento e não encontrar nada a respeito dificilmente chegará até você.

    Sendo assim, se você percebeu que seu negócio não tem sido visto por futuros pacientes já é hora de considerar fazer um site. Não se esqueça de contar com uma empresa especializada no assunto para evitar maiores problemas.